sábado, maio 10, 2008

DIA PARA RECORDAR!?



Tempos conturbados afastam-nos da realidade do ambiente.
A Europa constrói um "colidor"(*) de partículas que poderá ser o enterro da humanidade.
Será que não podíamos pensar um pouco, reflectir e ponderar muito bem sobre a mensagem deste vídeo?
De certeza que um melhor nos esperava se o tratássemos com o respeito que merece.

(*) - Não sei como é que se pode traduzir a palavra inglesa por isso fica aqui provado um assassínio da língua portuguesa.

7 comentários:

Anónimo disse...

Caro jocaferro,

Colidor ?!?!?!

Collider, é o termo inglês para um acelerador de particulas em que dois feixes de particulas colidem.

Sendo assim, a tradução correcta será um Acelerador de Particulas.

jocaferro disse...

Caro anónimo:
Estive para colocar Acelerador de partículas, porém o LHC não é apenas um acelerador de partículas e vai muito além.
De facto, o LHC foi construído para colidir partículas e é esta a principal diferença para um "normal" Acelerador.
Eu coloquei "colidor" apenas para ver a reacção e se alguém contribui com um termo melhor mas não duvido que quando este tema começar a ser mais falado possa aparecer por aí este "colidor" principalmente através dos nossos irmãos brasileiros.

Obrigado pela contribuição.

@braço.

jocaferro disse...

Esqueci-me de dizer uma coisa:
- "Grand collisionneur de hadron":

Em francês é algo que poderá ser traduzido como "colisionador", provavelmente o termo certo, mas ainda achei pior que o outro.

@braço.

jocaferro disse...

A pressa é terrível.
Na wikipédia consta "colisor". Também me pareceu pior.

mbarreto disse...

Experimenta "gerador de pânico generalizado" para ver o efeito fonético :)

A colisão de matéria - antimatéria continua a ser do domínio da ficção científica. Einstein escreveu que na eventualidade de se conseguir esse feito, havia uma grande possibilidade de uma reacção em cadeia que destruiria todo o universo.

Eu não acredito que assim seja, acredito antes que o Hadron não vai conseguir conter a quantidade de energia que vai gerar e, isso sim, vai produzir uma cratera com muito quilómetros quadrados

jocaferro disse...

"gerador de pânico generalizado"
Boa aposta!
O problema é que são aventadas muitas hipóteses para o "fim do mundo" a que correspondem outras tantas contra-argumentações do outro lado.
Andarmos armados em deus pode dar maus resultados e uma cratera não passa de um mal menor no caso de algo correr mal.
Tudo não passa de teoria mas não sei se não seria melhor nunca tal projecto ter sido iniciado.
Mesmo sem qualquer problema não temos conhecimentos sobre todos os fenómenos que podem acontecer paralelamente e uma das coisas que me deixa memos à vontade é estarmos agora a testar teorias que já tem barbas e que não passam disso memso - teorias.
Resta esperar que nada de mal aconteça.

@braço.

Cafonso disse...

Acelerador de partículas é perfeitamente aceitável pois todos os aceleradores de partículas construídos até hoje foram-no para estudar os resultados das colisões que ocorrem nos detectores que são colocados nos caminhos das partículas nos pontos em que estas chocam umas com as outras. O termo extenso seria anel acelerador de partículas. Há ainda aceleradores lineares. Já agora nomes próprios não se traduzem nos termos da norma portuguesa (LHC é uma abreviatura de nome próprio) respectiva. Se fosse um título poderia colocar-se uma tradução entre parêntesis rectos.

Como este tipo de objectos é único (não há umas dezenas de LHC não há razão para não o tratar com dignidade de nome)